BRASIL É O CAMPEÃO EM VAZAMENTO DE DADOS DE CARTÕES

Recentemente, a empresa de cibersegurança Axur, publicou o Relatório Anual 2020 de Atividade Criminosa On-line. O Brasil, sozinho, acumula um total de 45,4% do total de casos registrados no mundo, ficando distante do segundo colocado, os Estados Unidos, com 34,3%.

Dentre as dez instituições financeiras com maior número de vazamentos, 7 são do Brasil. Isso indica a ausência de leis que punam, com eficácia, os crimes digitais.

Ao ter o cartão clonado, o consumidor pode exigir da instituição financeira o ressarcimento das compras que não reconhecer. O banco somente poderá se isentar da responsabilidade nos casos em que ficar demonstrado que a culpa pela utilização do cartão foi exclusiva do consumidor.